Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  4.04 MB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  Perfil de professores da educação básica e análise multidimensional
Autor:  
  Roslei Aparecida Sinderski Bigaton   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UNIVALI/EDUCAÇÃO
Área Conhecimento  
  EDUCAÇÃO
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2005
Acessos:  
  462
Resumo  
  Este trabalho pesquisa o perfil dos professores da Rede Pública Municipal de Balneário Camboriú/SC, no ano de dois mil e três (2003). Tem como objetivo investigar o perfil social, econômico e cultural dos professores que atuam na Educação Infantil e Ensino Fundamental do Município. A coleta de dados foi realizada com um questionário contendo setenta e quatro (74) questões, junto a quatrocentos e quarenta e dois (442) professores, em quinze (15) escolas da rede. Para os fins desta pesquisa utilizou-se uma metodologia estatística, com os recursos do software estatístico de análise multidimensional SPAD 3.5 (Système Pour Analyse de Données). Considera-se ) que o contexto social, econômico e cultural no qual o docente se constitui pode ser, efetivamente, indicador de suas escolhas profissionais e, até mesmo, de sua ação pedagógica. A partir dos dados obtidos na pesquisa e realizada a análise multidimensional, pode-se verificar que: a) os profissionais da educação constituem de fato, até a atualidade, uma categoria essencialmente feminina; b) os professores que iniciaram a carreira cursando o Magistério no Ensino Médio, optaram por cursar Pedagogia na Graduação, fizeram Especialização e participam de cursos de formação como opção para o desenvolvimento profissional. Para estes professores não há motivos para mudar de profissão; c) a quase totalidade dos professores questionados está satisfeita com o ambiente físico da escola onde trabalha e desenvolvem as atividades docentes em apenas uma escola; d) como a pesquisa foi realizada com professores da Educação Infantil, Séries Iniciais e Séries Finais do Ensino Fundamental, verificou-se que o tipo de procedimento pedagógico é diferenciado para cada um dos grupos, sendo distintos na forma de preparação e aplicação dos conteúdos e avaliações; e) o hábito da leitura, seja de livros científicos ou jornais, parece cristalizado na categoria, já que a televisão parece não despertar o mesmo interesse nos professores. Os passeios em família predominam quando o assunto é o lazer. Pela pesquisa percebe-se que os professores da rede Municipal de Balneário Camboriú, apresentam uma situação social, econômica e cultural favorável ao desempenho da docência, especialmente, se comparado à realidade brasileira.
     
    Baixar arquivo