Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  1.30 MB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  Tecnologias, educação e seus sentidos: o movimento de um grupo de pesquisa sobre interdisciplinaridade - GEPI
Autor:  
  Raquel Gianolla Miranda Carneiro   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  PUC/SP/EDUCAÇÃO (CURRÍCULO)
Área Conhecimento  
  EDUCAÇÃO
Nível  
  Doutorado
Ano da Tese  
  2008
Acessos:  
  699
Resumo  
  Este trabalho de pesquisa envolve a análise do processo de apropriação do uso de ambientes virtuais baseados na Internet por um grupo de pesquisa e estudos sobre interdisciplinaridade – GEPI; coordenado pela Profa. Ivani Fazenda. Trata-se de investigar o movimento que este grupo percorreu ao estabelecer sua comunicação; a socialização de materiais e registros; o estudo e o diálogo com colegas distantes e a possibilidade de estabelecer um ambiente de reflexão à distância sobre o tema interdisciplinaridade - uma análise baseada nos princípios de uma educação interdisciplinar. Para tanto; buscamos um olhar a partir desta teoria o que nos moveu; num primeiro momento; a resgatar o sentido de termos como educação; educação a distancia; tecnologia; estudo e diálogo; entre outros; apresentando; assim; um contexto de educação que este olhar interdisciplinar exige. Pudemos concluir que o exercício de apropriação de ambientes virtuais numa perspectiva interdisciplinar deste grupo navega em movimentos lentos; porém; sólidos de comunicação. Ao mesmo tempo e; paradoxalmente; a velocidade propulsora de fomento produtivo do grupo foi marcante depois da utilização de recursos virtuais da Internet. Pudemos também observar que a amplitude que o termo educação concebe dificulta-nos estabelecer limites no que se entende por presencial e a distancia que vivenciamos. Finalmente; pudemos concluir que o olhar interdisciplinar sobre a questão nos leva a pensar em não nos demitirmos de nossas concepções construídas ao longo de um tempo de experiências e vivencias para utilização destes ambientes virtuais; mas sim; introduzirmos as considerações específicas de cada ambiente educativo dentro da experiência adquirida.
     
    Baixar arquivo