Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  2,53 MB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  O movimento emancipacionista de Minas do Norte: uma identidade territorial em questão
Autor:  
  Warley Pereira Pires   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UFF/GEOGRAFIA
Área Conhecimento  
  GEOGRAFIA
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2006
Acessos:  
  730
Resumo  
  A reivindicação de novas unidades federadas – novos estados – tem sido recorrente no Brasil especialmente a partir da década de 80. A luta pela emancipação de regiões que se consideram discriminadas do ponto de vista político; econômico ou cultural alcançou seu auge na Constituinte de 1988 e na Revisão Constitucional de 1993. Baseados na Constituição e no exemplo da emancipação de Tocantins; muitos movimentos têm buscado a emancipação através da solicitação de plebiscitos. No seio desse processo destacamos o movimento emancipacionista de Minas do Norte; anteriormente designado; de São Francisco; o qual objetiva criar um estado de mesmo nome abrangendo as regiões mineiras do Norte de Minas; Vale do Jequitinhonha e Mucuri. Para tanto; as justificativas da separação tem se baseado no atraso econômico regional; na marginalização política e de uma complexa reivindicação cultural/identitária a qual aprofundaremos ao longo deste trabalho. Assim; procuramos discutir tal movimento a partir da reivindicação de uma identidade territorial em nível regional que por ora a diferenciaria do resto de Minas Gerais.
     
    Baixar arquivo