Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  1.02 MB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  Madonna e os meios massivos de comunicação: pactos para a construção de uma persona
Autor:  
  Valeska Fonseca Nakad   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  FAM/COMUNICAÇÃO
Área Conhecimento  
  COMUNICAÇÃO
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2008
Acessos:  
  267
Resumo  
  Este estudo tem como objetivo apresentar a comunicação contemporânea; como foco de uma pesquisa que aborda a mídia; a moda; enquanto um processo de mudanças constantes. Com premissa o estudo da construção imagética do ícone Madonna por meio desses veículos. São abordadas hipóteses para a construção de sua persona; um construto que se deu pela inovação visual em seus produtos transmitidos nos meios massivos de comunicação. A moda é tratada como um processo mediático que transmite e capta influências de estilo; comportamento; hábitos e atitudes. Para tanto a análise e pesquisa da obra da popstar Madonna que nesta pesquisa; toma corpo como um construto de sua personagem que se vale de tipologias em cada novo trabalho. Ao se debruçar na obra da megastar percebe-se a dimensão de seu trabalho; portanto para uma análise adequada; foi necessário de dividir o seu trabalho em partes. Assim ao fragmentar o conjunto de sua obra; optouse por estudar os videoclipes a fim de traçar um paralelo entre a comunicação; a moda e as personagens interpretadas para a construção da sua persona. Para se entender o contexto em que a diva pop consegue engendrar tamanha influência; o estudo dos paradigmas de Gumbrecht que caracterizam o contemporâneo. Neste estudo a destotalização foi comparado ao aspecto tribal da moda; isto é; a fragmentação da moda e uma construção de visuais sobrepõem estilos. A destemporalização; que aplicado a moda traz o conceito de mistura de estilos; em que a composição do visual parte de referências de ícones passados; misturados com ícones contemporâneos; todos em um tempo só. E a desreferencialização; que pressupõe que essa moda ao ser vista do ponto de vista da performance é criada no espaço mediático. Portanto constata-se que Madonna com sua estratégia de superexposição e mudanças em suas obras; neste estudo os seus videoclipes; afirma-se que estas estratégias se baseiam no sistema da moda; do sistema fashion em que impera o efêmero.
     
    Baixar arquivo