Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  1.30 MB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  Magia e feitiçaria no império do Brasil: o poder da crença no Sudeste e em Salvador
Autor:  
  Luiz Alberto Alves Couceiro   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UFRJ/SOCIOLOGIA E ANTROPOLOGIA
Área Conhecimento  
  ANTROPOLOGIA
Nível  
  Doutorado
Ano da Tese  
  2008
Acessos:  
  374
Resumo  
  Esta tese é um estudo sobre a crença na feitiçaria no Império do Brasil. A pesquisa que deu origem à tese mostrou que não existem leis reguladoras das acusações de feitiçarias no Império; ao contrário da colônia e do período republicano. Vários tipos de documentos da época nos ajudaram a demonstrar; no entanto; que a crença no feitiço; no Império do Brasil; assim como na República; perpassava todas as classes sociais. Analisamos casos paradigmáticos para desvendar o sistema de crenças mágico-religiosas. Os casos se referem a notícias de jornal sobre terreiros de candomblé em Salvador e uma argüição de um personagem chamado Pai Gavião; um espírito que falava através de um escravo africano em São Paulo. Analisamos também um processo criminal sobre homicídios por escravos por meio da prática de feitiçaria no Rio de Janeiro e o processo que condenou Juca Rosa; um renomado pai de santo; no Rio de Janeiro.
     
    Baixar arquivo