Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  1,004.43 KB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  Avaliação da eficiência de tratamento de dejetos de suínos, utilizando um procedimento de compostagem misto, em propriedade rural no Vale do Taquari, RS, Brasil
Autor:  
  Ari João Strapazzon   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UNISC/TECNOLOGIA AMBIENTAL
Área Conhecimento  
  Área Não Informada
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2008
Acessos:  
  716
Resumo  
  A produção de suínos confinados induz a um acúmulo de dejetos em pequenas propriedades. A exploração da atividade suinícola possui um fato agravante de que os dejetos são armazenados de forma líquida para o tratamento; trazendo dificuldades de distribuição e transportes para as lavouras agrícolas em determinados períodos do ano; alem de contribuir para o aumento dos impactos de contaminação do solo; das águas e da atmosfera. Neste contexto consiste um grande desafio para a sustentabilidade da suinocultura moderna no emprego de novas tecnologias que possa reduzir o potencial poluente dos dejetos e valorize seu uso agronômico. A compostagem dos dejetos suínos é uma alternativa que pode ser utilizada para gerenciar os efluentes desta importante atividade agropecuária. Com o objetivo de redução dos volumes de dejetos suínos foi desenvolvido um estudo de campo onde o produtor recebe leitões saídos de creche e realiza as fases de crescimento e terminação. A granja esta no município de Capitão; RS; Brasil. O delineamento do experimento utilizou dejetos de suínos; substrato vegetais e cama aviária para serem compostados. O tratamento foi distribuído em duas fases sendo a primeira fase denominada de impregnação e a segunda fase de maturação. Foram determinados quatro pontos de coleta de dados para verificação da umidade e um ponto central para a coleta da temperatura para a análise de nutrientes foram coletadas quatro amostras de forma aleatória e homogeneizadas. Os dados coletados foram submetidos a análise em laboratório. O experimento mostrou-se eficiente para a variação do volume final de dejetos. Conclui-se que o sistema reduz o volume final dos dejetos em 72;3 % muda as características físicas e concentra nutrientes no adubo final; cujos valores são de pH = 8;2; N = 2;27%; NPK = 4;1%; MS = 71;9%; umidade de 28;9% e CTC = 11;8 cmol c L-1.
     
    Baixar arquivo