Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  471,88 KB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  Validação da versão em português de um questionário para avaliação de autismo infantil
Autor:  
  Fabio Pinato Sato   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  USP/PSIQUIATRIA
Área Conhecimento  
  MEDICINA
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2008
Acessos:  
  1.750
Resumo  
  Tradução; retro-versão; adaptação cultural e validação da Autism Screening Questionnaire ou Social Communication Questionnaire; versão Lifetime; para a língua portuguesa e para o seu uso no Brasil. Foi selecionada uma amostra inicial de 120 pacientes divida em três grupos de 40 pacientes distintos: pacientes com diagnóstico clínico de TID; de Síndrome de Down e de outros transtornos psiquiátricos. O questionário foi aplicado aos responsáveis legais dos pacientes seguindo os padrões de um questionário auto-aplicável. Valores de sensibilidade de 92.5% e especificidade de 95.5% foram encontrados para uma pontuação de 15; como sendo um valor discriminativo para os sujeitos com características de TID. A validade interna para o total das 40 questões foi de 0.895 para o alfa de Cronbach e de 0.896 para o KR-20; com uma variação entre 0.6 à 0.8 para ambos os coeficientes. Os valores de confiabilidade obtidos pelo teste e re-teste demonstraram que a maioria das questões obteve alta concordância. A versão final do instrumento de pesquisa; traduzido e adaptado à cultura brasileira; apresentou propriedades de medida plenamente satisfatórias; demonstrando ser de fácil aplicação e uma ferramenta útil para a realização de um screening diagnóstico em indivíduos com TID
     
    Baixar arquivo