Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  750.45 KB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  Plantas de cobertura: efeito nos atributos do solo e na produtividade de milho e soja em rotação
Autor:  
  Adelar José Fabian   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UNESP/JAB/AGRONOMIA (PRODUÇÃO VEGETAL)
Área Conhecimento  
  AGRONOMIA
Nível  
  Doutorado
Ano da Tese  
  2009
Acessos:  
  586
Resumo  
  A produção de massa seca (MS) para cobertura do solo é dificultada devido às condições climáticas na região de Uberaba. O objetivo do presente estudo foi avaliar a produção de massa seca; decomposição e liberação dos nutrientes dos resíduos vegetais de plantas de coberturas do solo e seus efeitos sobre os atributos físicos e químicos do solo; no estado nutricional e na produtividade das culturas de milho e soja cultivadas em rotação. O delineamento foi em blocos casualizados; no esquema em faixas; com quatro repetições. Os tratamentos foram: quatro coberturas vegetais do solo (braquiária brizanta; crotalária juncea; milheto e pousio) e ausência de cobertura sobre soja e milho como culturas de verão. Avaliaram-se: produção; taxa de decomposição e liberação de nutrientes dos resíduos das plantas de cobertura; produtividade do milho e soja e atributos químicos e estabilidade de agregados em água nas camadas 0;0-2;5; 2;5-5;0 e 5;0-10 cm e densidade do solo nas camadas de 0;0-5;0 e 5;0-10 cm. Resíduos das plantas de coberturas com menores teores de lignina e celulose apresentaram maiores taxa de decomposição; independentemente da relação C/N. As condições climáticas após o manejo das plantas de cobertura influenciaram a taxa de decomposição e a liberação dos nutrientes dos resíduos. O uso de plantas de cobertura do solo proporcionou o aumento dos teores de matéria orgânica do solo na camada de 0;0-2;5 cm e da estabilidade dos agregados em água na camada de 0;0-10;0 cm do solo. As plantas de cobertura não influenciaram no estado nutricional e na produtividade de milho e soja em rotação.
     
    Baixar arquivo