Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  19.14 MB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  De geração em geração e o lápis na mão: o processo de revitalização da língua Kaingáng na educação escolar indígena/Terra Indígena Xapecó-SC
Autor:  
  Talita Daniel Salvaro   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UFSC/HISTÓRIA
Área Conhecimento  
  HISTÓRIA
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2009
Acessos:  
  366
Resumo  
  Essa pesquisa tem como propósito perceber a língua Kaingáng em dois momentos distintos que marcaram a história dos Kaingáng da Terra Indígena Xapecó; localizada no oeste catarinense. Durante o período de atuação do Serviço de Proteção ao Índio/SPI; marcado pela integração do indígena à sociedade nacional; onde a língua Kaingáng foi proibida e a partir da promulgação da Constituição Federativa do Brasil de 1988; que contempla uma educação diferenciada; bilíngue; comunitária; intercultural e específica. Neste momento; o ensino da língua Kaingáng é retomado nas escolas como um fator de identidade étnica do grupo. Nosso recorte temporal abrange a data de 1941; quando foi criado o Posto Indígena Xapecó; e se estende até os dias atuais. Urdindo os relatos obtidos nas entrevistas realizadas por meio da Metodologia de História Oral; documentos do SPI e FUNAI; Atas de Pais e Professores da Escola Indígena de Educação Básica Cacique Vanhkrê; materiais didáticos elaborados pelos professores de língua Kaingáng e observações durante as saídas de campo; pretende-se mostrar como a língua Kaingáng é ensinada na escola; as dificuldades encontradas no seu ensino e aprendizagem e sua função como fator de identidade para essa comunidade.
     
    Baixar arquivo