Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  634,33 KB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  A promoção do desenvolvimento do aluno autista nos processos educacionais
Autor:  
  Andrea Barbosa Gomide   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UFU/PSICOLOGIA
Área Conhecimento  
  PSICOLOGIA
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2009
Acessos:  
  1.002
Resumo  
  Considerando o processo de ensino e aprendizagem do aluno autista e sua relação com o desenvolvimento deste indivíduo, esta dissertação teve como objetivo principal analisar os aspectos psico-educacionais relacionados ao atendimento educacional escolar do aluno autista e a relação destes aspectos com a promoção do desenvolvimento global desta pessoa, a partir de uma perspectiva Bioecológica do Desenvolvimento Humano. Os fundamentos teóricos desenvolvidos ao longo deste estudo envolveram uma revisão bibliográfica acerca do estado da arte do Autismo Infantil, dos aspectos da Educação do Aluno Autista, além da Teoria Bioecológica do Desenvolvimento Humano, enfatizando o principal e mais significativo ambiente imediato escolar relacionado às possibilidades de desenvolvimento do aluno, ou seja, o microssistema da sala de aula, juntamente com os seus três elementos primordiais: atividade, interação e o papel. Neste trabalho, foram realizadas Entrevistas Reflexivas com as professoras participantes, sendo, posteriormente, transcritas e analisadas por meio da Teoria Fundamentada nos Dados (Grounded Theory), além de observações feitas no ambiente de sala de aula. O presente estudo constatou que, a despeito das dificuldades enfrentadas pelas educadoras no transcorrer do processo de atendimento escolar do aluno autista, ocorreram mudanças importantes na interação, participação e desempenho deste aluno nas atividades propostas dentro de sala de aula. Entretanto, para que o processo de atendimento escolar do aluno autista ocorra com qualidade, é preciso o reconhecimento da escola e dos educadores das possibilidades de desenvolvimento e aprendizagem deste educando. Para tanto, é imprescindível repensar as formas como são propostas as atividades pedagógicas; o modo como são estabelecidas as interações professor/aluno e aluno/aluno; além de refletir sobre a importância que o papel assumido pelo professor frente ao aluno autista tem em relação às suas possibilidades de sucesso escolar. Neste sentido, é preciso romper com os estigmas e superar os preconceitos construídos historicamente, que reforçam a condição psicossocial segregadora e excludente do indivíduo desviante.
     
    Baixar arquivo