Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  2.70 MB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  Avaliação fotoelástica de overdentures mandibulares sobre implantes com três diferentes sistemas de retenção e prótese protocolo de Branemark
Autor:  
  José Vitor Quinelli Mazaro   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UNESP/Araç/ODONTOLOGIA
Área Conhecimento  
  ODONTOLOGIA
Nível  
  Doutorado
Ano da Tese  
  2009
Acessos:  
  215
Resumo  
  Objetivo: O propósito deste estudo foi avaliar o padrão de tensão produzido por overdentures implanto-retidas com 3 diferentes sistemas de retenção e prótese fixa tipo protocolo de Branemark; através do método da fotoelasticidade. Método: O modelo mandibular foi confeccionado em resina fotoelástica PL-2 contendo 4 implantes 3.75x10mm; posicionados na área interforaminal. Foram avaliadas 4 situações clínicas: A- Overdenture com 3 attachments clip sobre barra; B- Overdenture com 2 attachments Era em cantilever aos últimos implantes e 1 clip anterior; C- Overdenture com 3 attachments O’ring sobre barra e D- Prótese total fixa tipo protocolo de Branemark. Forças oclusais verticais de 100N foram aplicadas entre os incisivos centrais e unilateralmente nos segundos premolares direito e esquerdo e segundos molares direito e esquerdo para todos os sistemas. Na prótese protocolo foram aplicadas cargas verticais nos primeiros molares a fim de permitir análise da extensão do cantilever. As tensões desenvolvidas nas estruturas de suporte foram monitoradas fotoelasticamente e registradas fotograficamente. Resultados: No carregamento anterior; houve alta concentração de stress nos implantes medianos na situação A; principalmente na região apical. O carregamento no premolar gerou alto stress no implante ipsilateral à aplicação da carga com maior intensidade para a prótese protocolo e situação A. No carregamento do molar; a overdenture com 3 o’ring distribuiu o stress de forma mais uniforme sobre o rebordo alveolar; com menor sobrecarga ao implante distal. O aumento do cantilever na prótese protocolo causou grande stress ao último implante e tração no implante mediano. Todas as situações avaliadas demonstraram baixa transferência de stress ao nível do pescoço dos implantes contralaterais à aplicação da carga. Conclusão: As forças verticais aplicadas na overdenture com 3 clip e prótese protocolo geraram um imediato padrão de stress de grande concentração e magnitude sobre o implante ipsilateral enquanto que o sistema de retenção o’ring transferiu mínimo stress aos implantes. A implicação clínica do aumento do cantilever na prótese protocolo é significativamente negativa à longevidade do último implante.
     
    Baixar arquivo