Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  500.98 KB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  A dinâmica de motivação no trabalho dos agentes de polícia federal
Autor:  
  Paulo Elias Bedran Júnior   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UNIR/ADMINISTRAÇÃO
Área Conhecimento  
  ADMINISTRAÇÃO
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2009
Acessos:  
  477
Resumo  
  Este trabalho se propôs a diagnosticar e avaliar o grau de satisfação no trabalho dos agentes de polícia federal, lotados e em exercício na Delegacia Regional Executiva da Superintendência Regional do Departamento de Polícia Federal em Rondônia (DREX/SR/DPF/RO), procurando identificar e avaliar os fatores que influenciam a categoria funcional na motivação no trabalho. Para o melhor entendimento da dinâmica de motivação da população abordada a pesquisa identificou, através da revisão da literatura, os aspectos ambientais que influenciam o indivíduo quanto à satisfação no trabalho. Os fatores ambientais listados pela teoria dos dois fatores, elaborada por Frederick Herzberg, representam o ponto de partida da pesquisa, tendo a referida teoria da motivação orientado o estudo. Através de um levantamento, foram diagnosticados os fatores que promovem a implicação do universo pesquisado na realização do trabalho, técnica de pesquisa que serviu também para avaliar o grau de motivação dos servidores, e subsidiar a construção de uma escala de importância dos fatores. Já a explicação da influência dos fatores ambientais na dinâmica de motivação no trabalho foi alcançada utilizando-se da análise do conteúdo dos discursos dos policiais federais a respeito da realidade funcional no órgão. Os resultados auferidos apontam para a necessidade de o Departamento de Polícia Federal rever suas estratégias de gestão de pessoas, tendo em vista o baixo grau de satisfação dos policiais, bem como a falta de oferta de fatores ambientais capazes de estimular a satisfação dos servidores.
     
    Baixar arquivo