Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  1.82 MB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  Alternativas de transporte da soja em grão do noroeste do Mato Grosso - Brasil para os portos de Rotterdam - Holanda e Yokohama - Japão: estudo de caso na empresa Hermasa - 2008.
Autor:  
  José Carlos de Souza Colares   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UNIR/ADMINISTRAÇÃO
Área Conhecimento  
  ADMINISTRAÇÃO
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2010
Acessos:  
  219
Resumo  
  O complexo da soja no Brasil representou em 2008 ¼ das exportações do agronegócio brasileiro, constituindo-se assim como um expoente da economia nacional, sendo que o principal diferencial competitivo desse segmento consiste no baixo custo de produção da soja em grão. No entanto, essa competitividade é prejudicada pelo deficiente sistema de transporte da nação, uma vez que o mesmo é centralizado nas rodovias, modal que detém o maior custo de transporte em relação aos demais; e pela baixa oferta de outras modalidades de transporte Uma das principais alternativas para o enfrentamento dessa situação consiste na interligação das regiões brasileiras através do oferecimento de um sistema multimodal de transporte. O problema abordado nesta pesquisa envolve a combinação do baixo preço da produção da soja em grão com o alto custo de transporte dessa oleaginosa, que resulta na perda da competitividade do produto. Essa situação implica na necessidade de verificação e análise de informações que levem à constatação da possibilidade de reduzir os custos de escoamento da produção. O objetivo desta pesquisa consistiu em conhecer as rotas de transporte que a Hermasa utiliza para movimentar a soja em grão, analisando se as novas alternativas oferecem possibilidade de reduzir os custos de transporte do produto. A matriz teórica desta dissertação se apóia nos conceitos e teorias sobre logística de transporte; estratégia logística de transporte; e nos métodos de custeio logísticos de transporte. A metodologia utilizada foi o estudo de caso, amparado em pesquisa bibliográfica, análise documental e pesquisa de campo. Os dados foram compilados e submetidos à programação linear – PL, para análise do padrão atual de escoamento da soja em grãos; e também na simulação das três novas modalidades possíveis, quais sejam: a saída rodoviária para o Oceano Pacífico; o estabelecimento de uma nova rota fluvial a partir da construção das eclusas, decorrente da instalação das hidrelétricas do Rio Madeira; e a construção da Ferrovia Transcontinental que interliga o Brasil de norte a sul. O estudo possibilitou a comparação dos custos praticados com os custos prováveis diante do novo cenário alternativo. Os resultados apontaram que a substituição do modal rodoviário pelo ferroviário gera ganhos de 5,91% na rota para Rotterdam e de 4,35% a 15,01% na rota para Yokohama, fornecendo elementos para escolha de rotas de menor custo para o escoamento da produção da soja em grão nesta parte do Brasil.
     
    Baixar arquivo