Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  1.09 MB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  A educação profissional diante dos novos desafios do mundo do trabalho: o instituto federal de educação, ciência e tecnologia da Paraíba
Autor:  
  Diogo Fernandes da Silva   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UFCG/CIÊNCIAS SOCIAIS
Área Conhecimento  
  SOCIOLOGIA
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2010
Acessos:  
  838
Resumo  
  Nossa pesquisa tem como proposta de investigação analisar os processos de Reforma da Educação Profissional e os impactos que esta teve sobre o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba - IFPB. Ao mesmo tempo, a referida Reforma foi analisada pelo ângulo das repercussões sofridas com as mudanças atuais no mundo do trabalho e as novas necessidades, demandas e desafios colocados para a Educação Profissional. Atualmente em processo de transformação institucional para o novo formato de IFPB, a experiência da Paraíba nos oferece um indicador da problemática, para se entender de que modo uma instituição pública de ensino básico, técnico e tecnológico tem se coloca frente à nova situação, principalmente em relação aos conflitos gerados pelas reorientações do discurso oficial do governo. Recorremos à reconstituição da trajetória histórico-social e institucional do IFPB, para situar as principais mudanças verificadas ultimamente quanto ao papel que vem desempenhando localmente no campo da Educação Profissional e identificar, entre os atores mais diretamente envolvidos, as suas percepções sobre as questões atuais do trabalho, do emprego e da formação/qualificação profissionais, assim como sobre a atuação do IFPB. No que se refere à abordagem metodológica, para a apreensão das estruturas, processos e práticas relacionados à formação profissional, procuramos abordar as dimensões objetivas e subjetivas implicados em tais situações, entretanto sob uma perspectiva focada nos sujeitos e nas experiências nas quais se inserem e atuam, suas experiências histórico-sociais, suas potencialidades, possibilidades e conflitos. De caráter qualitativa, a pesquisa utilizou dos seguintes procedimentos: análise bibliográfica, particularmente focada sobre o debate atual a respeito dos temas do trabalho, emprego e educação profissional, análise documental, abrangendo documentos nacionais e locais, técnicos, institucionais e pedagógicos, procedimento de observação direta (espaços, ambientes, equipamentos, atividades), e entrevistas semi-dirigidas com gestores, professores, coordenadoras pedagógicas do IFPB, campi de João Pessoa e Campina Grande. A partir da nossa pesquisa percebemos dois momentos distintos na Instituição: o momento da Reforma de 1997, que separou a educação propedêutica da educação técnica e que impossibilitou o crescimento dos IFETs, ao mesmo tempo que orientou suas ações para vendas de serviços, parcerias, ou seja, ações institucionais típicas do modelo neoliberal vigente naquele momento, e o atual Decreto 5.154/04, que resgata o caráter público dos Institutos, retomando os investimentos e ampliando o número de campi.
     
    Baixar arquivo