Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  1.42 MB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  Biopilha, biodegradação, biodegradação de hidrocarbonetos totais de petróleo, atividade biológica do solo
Autor:  
  Marquion José Vaz   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UNISC/TECNOLOGIA AMBIENTAL
Área Conhecimento  
  ENGENHARIA SANITÁRIA
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2010
Acessos:  
  302
Resumo  
  Neste trabalho foi realizada uma avaliação da biodegradação ex-situ de hidrocarbonetos e da atividade biológica em solos contaminados. Para a realização dos estudos foi utilizada uma biopilha, montada no Município de Duque de Caxias-RJ, com solo retirado de uma base de distribuição de combustíveis. A primeira parte do trabalho consistiu na remoção do solo, adição de compostos químicos para controle de pH e liberação de nutrientes. Com o solo preparado, foi montada a biopilha, equipada com sistema de injeção de ar, remoção de gases e sistema de irrigação para controle de umidade. O monitoramento da degradação dos hidrocarbonetos foi acompanhado por meio de análises químicas da concentração de hidrocarbonetos totais (TPH’s) e do monitoramento dos parâmetros de temperatura, pH e umidade da biopilha. A atividade biológica foi monitorada por meio do isolamento e caracterização de linhagens de microrganismos, obtidos de amostras de solos retiradas durante três períodos diferentes de operação da biopilha. Os ensaios para caracterização da atividade microbiológica foram realizados por meio de análise macroscópica, teste de gram e testes bioquímicos de sensibilidade ao detergente catiônico, secreção de biosurfactantes e atividade proteolítica, lipolítica e celulolítica. Os resultados mostram que após 30 dias de operação da biopilha, a concentração de TPH’s apresentou uma redução de 91%. Os resultados obtidos durante a segunda e terceira amostragens, realizadas aos 90 e 120 dias, mostraram um pequeno aumento da concentração dos TPH totais se comparados com os valores obtidos após 30 dias de operação. No final dos ensaios, após 120 dias de operação, a redução observada na concentração total de TPH’s foi de 81%. A elevação da concentração de TPH verificada neste período pode ser atribuída ao método de análise, onde fontes biogênicas possam estar presentes nesta avaliação, bem como à heterogeneidade do solo. Os parâmetros de temperatura, umidade e pH se mantiveram dentro da faixa adequada para o crescimento dos microrganismos e manutenção do processo. Os resultados da atividade biológica mostraram que a população de microrganismos varia com o decorrer dos ensaios em função da mudança do substrato disponível para biodegradação, e de suas propriedades físico-químicas. Esta variação da população modifica a predominância dos grupos de microrganismos presentes durante a operação da biopilha. Os ensaios relacionados à atividade hidrolítica mostraram que há grupos de microrganismos versáteis que possuem propriedades de gerar vários tipos de enzimas, o que é muito importante para a degradação de contaminantes com composição tão variada como os hidrocarbonetos.
     
    Baixar arquivo