Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  444.00 KB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  A geração da vida em Leibniz
Autor:  
  Rogério Vagna   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UFSCAR/FILOSOFIA
Área Conhecimento  
  FILOSOFIA
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2007
Acessos:  
  66
Resumo  
  Partindo do sistema leibniziano e tomando como fio condutor a questão da geração da vida, pretendemos indicar os motivos filosóficos que levaram Leibniz a apoiar os biólogos pré-formacionistas do século XVII. A idéia de embutimento (ou encaixamento) de um novo ser dentro do seu progenitor, defendida pela teoria pré-formacionista, traz como que um exemplo do mundo monádico leibniziano, no qual todos os acontecimentos futuros, inclusive a geração de novos seres, foram já estabelecidos por Deus no momento da criação. As investigações microscópicas desenvolvidas por biólogos da época, especialmente por Leeuwenhoeck, descrevem um mundo até então desconhecido e trazem uma comprovação experimental da concepção teórica leibniziana.
     
    Baixar arquivo