Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  5.22 MB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  Um modelo de governança de TIC para o processo de modenização das serventias extrajudiciais no Brasil
Autor:  
  Omar Abdel Muhdi Said Omar   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UDESC/ADMINISTRAÇÃO
Área Conhecimento  
  ADMINISTRAÇÃO
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2009
Acessos:  
  69
Resumo  
  As serventias extrajudiciais brasileiras estão envolvidas em um processo coletivo de modernização cujo objetivo principal é simplificar e incrementar a eficiência e eficácia da prestação de serviços através do emprego de modelos emergentes de gestão e novas tecnologias de forma a prover os serviços de forma eletrônica. O processo de modernização utiliza intensivamente tecnologias da informação e comunicação (TIC) e, em função disso, a presente dissertação propõe um modelo de governança de TIC, baseado nas melhores práticas padrões da indústria, ITIL e COBIT. O modelo foi produzido para guiar o desenvolvimento, implantação e utilização de TIC pelo processo de modernização. Um estudo dos frameworks ITIL e COBIT foi realizado, assim como a pesquisa da documentação e produção acadêmica existente a cerca do processo de modernização. Um conjunto de entrevistas com os gestores de TIC e CIO’s envolvidos no processo, assim como um questionário aplicado às serventias extrajudiciais também foram realizados com o objetivo de determinar o estado atual e nível de maturidade, além de identificar necessidades, em termos de gestão de TIC. Os resultados desta pesquisa compreendem a apresentação dos dados coletados e a proposição de um modelo de governança de TIC desenvolvido e customizado especificamente de acordo com as necessidades do processo de modernização das serventias extrajudiciais brasileiras, em termos de governança de TIC. Além disso, uma abordagem para a implantação do modelo foi desenvolvida com o propósito de mitigar a complexidade e guiar a implantação do modelo proposto.
     
    Baixar arquivo