Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  886.97 KB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  Educação profissional em turismo e hotelaria: um estudo com professores
Autor:  
  Juliana Tonon Oliveira   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UNISO/EDUCAÇÃO
Área Conhecimento  
  EDUCAÇÃO
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2010
Acessos:  
  504
Resumo  
  Em geral, professores para a formação técnica em Hotelaria e Turismo são profissionais de atuação no mercado, sem formação específica para a docência que exercem. Acreditando que atuar como professor exige uma formação, ou qualificação específica para o ato de ensinar, este presente estudo tem como objetivo compreender a possibilidade da identidade profissional, nos cursos de Hotelaria e Turismo, analisando a trajetória e percepções de professores. Como procedimento metodológico, optou-se pela pesquisa qualitativa, com entrevistas individuais. Foram realizadas dez entrevistas com professores de escolas técnicas de cidades do interior de São Paulo. Os professores entrevistados falam sobre sua trajetória profissional, motivos de suas escolhas, percepção e avaliação sobre sua atuação como professores. De modo geral, os resultados demonstraram uma trajetória com pouca atuação no trabalho específico de Hotelaria e ou Turismo. A maioria foi para o trabalho docente, mesmo assim, se identificam mais como profissionais da área do que como professores. Embora com percepções positivas sobre a docência, sentem-se mais prestigiados como profissionais liberais. Contudo, apresentam traços de crise com o fato de terem mais de uma identidade profissional. A variedade de identidade reflete o contexto contemporâneo líquido, conceito desenvolvido por Bauman, para mostrar a questão difusa com alto grau de variedade e incertezas, contrapondo a identidades mais estáveis.
     
    Baixar arquivo