Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  798.00 KB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  A gestão das organizações de terceiro setor: entre a lógica social e a lógica estratégica
Autor:  
  Paula Pessoa de Castro   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  PUC/MG/ADMINISTRAÇÃO
Área Conhecimento  
  ADMINISTRAÇÃO
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2010
Acessos:  
  318
Resumo  
  O objetivo desta pesquisa foi investigar e compreender como acontece na prática a articulação entre a lógica social e a lógica estratégica na gestão de organizações de Terceiro Setor, por meio de um estudo de caso de um Programa de Desenvolvimento em Gestão, o PDG.org. O referencial teórico abordou o conceito, a caracterização do Terceiro Setor e os desafios da gestão de organizações pertencentes a ele. O foco foi o aperfeiçoamento gerencial como uma alternativa proposta para vencer os desafios e a dualidade manifestada na prática das ações administrativas nas organizações de Terceiro Setor pelas lógicas social e estratégica,. A estratégia de pesquisa adotada foi de natureza qualitativa, com base em dados coletados em arquivos, documentos e entrevistas em profundidade. A análise dos dados foi feita pelas técnicas de análise de conteúdo e análise de discurso. A estruturação da coleta e da análise dos dados seguiu quatro etapas do PDG.org: os antecedentes, a concepção, a execução e os resultados de curto prazo. Os resultados reafirmaram o papel fundamental do contexto em que as organizações surgem e o perfil de seus fundadores no direcionamento de sua gestão, o impacto causado pela capacidade em formar redes de parceria no desempenho da gestão, a busca por um modelo próprio que considere suas especificidades e os limites da capacitação gerencial como alternativa ou solução para os principais desafios da gestão no Terceiro Setor. Em particular, os resultados demonstraram a insuficiência da lógica estratégica e da lógica social como fundamentos preponderantes de um modelo gerencial. Na realidade das organizações de Terceiro Setor, as duas lógicas coexistem e podem equilibrar-se, harmonicamente ou não. Sendo assim, partindo do pressuposto de que os processos e o equilíbrio entre a lógica social e a estratégica não são estanques, uma análise de coexistência faz mais sentido ao propósito de desenvolvimento em gestão, tanto para o entendimento da realidade de uma organização, quanto para identificar caminhos para mudanças e melhorias. Nesse sentido, sugeriu-se então uma tipologia para análise de perfil de gestão de organizações de Terceiro Setor que considere a articulação existente entre a lógica social e a lógica estratégica.
     
    Baixar arquivo